EMACO

Espaço e Memória – Associação Cultural de Oeiras


No dia 26 de Janeiro de 2023, foi agraciado pela Presidência da República com a Comenda da Ordem de Mérito o Vice-Presidente e eminente colaborador da nossa Associação desde a primeira hora, Professor José Meco.

Esta distinção, a todos os títulos merecida e a que dirigimos o nosso claro aplauso, desde logo ao agraciado, não pode deixar de nos regozijar, enquanto associação cultural, por poder contar entre os seus associados com uma figura que, também assim, reforça o seu estatuto como figura da Cultura, com reconhecimento e estatuto institucionais.

Joaquim Boiça com José Meco, já Comendador, após a cerimónia
Read More

Em mais uma sessão da rubrica Temas e Debates na Casa da Malta, teremos connosco, no próximo dia 04 de Fevereiro (sábado), pelas 16 horas, o Juiz Conselheiro do Supremo Tribunal de Justiça, Manuel José Aguiar Pereira, nosso associado e elemento da Direcção do Núcleo Fotografia de Oeiras, que nos propõe o tema «Entre a Liberdade de Fotografar e o Direito à Imagem».

Assunto controverso e de constante actualidade, o nosso convidado falar-nos-á do enquadramento legislativo da matéria em apreço, sensibilizando os presentes para a relação entre o direito à
criação artística do fotógrafo e o direito à imagem dos retratados, que acompanhará com uma apresentação de fotografias ilustrativas, comentadas e de boa qualidade, que representam, afinal, um foco complementar do grande interesse que o tema suscita.

NOTA BIOGRÁFICA

Manuel José Aguiar Pereira nasceu em Custóias do Douro, concelho de Vila Nova de Foz-Côa, na região do Alto Douro (onde se situam parte de dois Patrimónios Mundiais da Humanidade classificados pela Unesco – o Alto Douro Vinhateiro e os Sítios Pré-Históricos de Arte Rupestre do Vale do Côa e Siega Verde).

Cursou Direito na Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra entre 1973 e 1978.

Ingressou na Magistratura Judicial em 1983, tendo exercido sucessivamente funções em São Roque do Pico, Ferreira do Zêzere, Tomar e Santarém.

Foi Juiz Desembargador no Tribunal da Relação de Lisboa, tendo exercido funções como Vogal do Conselho Superior da Magistratura, Director-Adjunto do Centro de Estudos Judiciários e Inspector Judicial.

Coordenou um grupo de trabalho da Associação Sindical dos Juízes Portugueses sobre a tutela dos direitos fundamentais nos Tribunais portugueses.

Foi nomeado Juiz Conselheiro do Supremo Tribunal de Justiça em abril de 2022.

Iniciou a aprendizagem das técnicas básicas de fotografia e edição fotográfica em câmara escura na Secção Fotográfica da Associação Académica de Coimbra e com o desenvolvimento da tecnologia associada à fotografia digital intensificou acentuadamente o hábito de fotografar e a edição e tratamento digital de imagem.

Integra o Núcleo Fotografia de Oeiras desde 2019, sendo actualmente um dos três coordenadores deste grupo informal de fotógrafos amadores.

Participou em exposições, mostras e publicações colectivas de fotografia.

Conjugando a sua formação profissional e a paixão de fotografar tem refletido sobre o tema dos limites do direito a fotografar em função do direito à imagem das pessoas retratadas.

Read More

Em mais uma iniciativa de divulgação junto da comunidade escolar, o nosso associado Rogério Pereira irá apresentar o seu livro «Contos para serem contados», na Escola Básica Manuel Beça Múrias, em Oeiras, no próximo dia 11 de Janeiro (quarta-feira), pelas 14 horas.

Programa:

1º – Abertura, feita pela Professora Luísa Madeira;

2º – Apresentação da Associação Desenhando Sonhos e do autor, pela Presidente da nossa Associação, Drª Olívia Matos;

3º – Leitura de um conto, ao estilo de quem conta, pelo representante da Espaço e Memória, editora da obra, Jorge Castro;

4º- Intervenção do autor que falará da sua obra como instrumento de fomentar a leitura e a escrita.

………………………………………………

Chegados à Escola e ao local onde se realizou o convívio, todos registámos com agrado que o livro de Rogério Pereira, já distribuído pelos alunos poucos dias antes, já tinha sido lido por quase todos.

E, depois da iniciativa realizada numa sala muito bem preenchida e com plateia atenta e muito participativa, algumas imagens da autoria de Lourdes Calmeiro:

Read More

O clube de leitura “Trinta” – livros e letras em conversa partilhada, é uma actividade da Espaço e Memória – Associação Cultural de Oeiras, que se propõe dinamizar a leitura e a escrita dos associados, que adiram ao clube. As sessões são mensais e têm lugar na nossa sede.
A participação é de entrada livre para os nossos associados, mas por questões logísticas, carece de inscrição prévia, que deverá ser feita para o endereço geral@espacoememoria.org.

A apresentação do projecto aos aderentes, realizou-se no passado dia 30 de Junho de 2022, pelas 18:30, na que foi a primeira sessão do clube de leitura “Trinta”.

Esta sessão contou com a presença de mais de uma dezena de inscritos no clube, que conversaram sobre os objectivos, calendarização das sessões e recomendação de leitura para o semestre, tendo sido selecionada a obra “O Principezinho” de Antoine de Saint-Exupéry, para o arranque da actividade.

A 2ª sessão, realizada em 29 de Julho de 2022, foi muito participada, registando-se uma agradável e entusiasmada discussão, e troca de opiniões sobra a obra “O Principezinho” de Antoine de Saint-Exupéry

Um pequeno convívio no final das sessões, está a ganhar interesse, sendo este mais um momento de grande partilha e conversa descontraída, onde reina a alegria e boa disposição.

Na 3ª sessão, realizada no dia 02 de Setembro de 2022, a troca de opiniões sobre a obra “As Intermitências da Morte” de José Saramago, gerou igualmente uma boa dinâmica, com intervenções e opiniões diversificadas.

O número de leitores aumenta a cada sessão, estando já próximo das duas dezenas.
No final de sessão, assistimos a um animado convívio

Definitivamente estes encontros já não dispensam estes momentos.

Na 4ª sessão, realizada no dia 30 de Setembro de 2022, é a obra “Predadores” do escritor Pepetela, que provoca intervenções por parte de todos os presentes.

Cabe aqui uma nota de grande apreço, aos membros do clube de leitura, que demonstram em todas as sessões respeito mútuo, aceitando de forma exemplar todas as opiniões.

A 5ª sessão realizada dia 28 de Outubro de 2022, com conversa partilhada em torno da obra “Eliete” de Dulce Maria Cardoso, contou com a presença de bastantes leitores. Foi interessante a discussão em torno desta obra. A diversidade de opiniões e o que cada um extrai e interpreta da mesma leitura, enriquece todos os que assistem a estes momentos.

Com 2022 a chegar ao fim, na 6ª sessão, realizada dia 30 Novembro de 2022, falou-se de Daniel Filipe e da sua poesia “A Invenção do Amor”.

Uma obra com poucas páginas mas com uma intensidade enorme, que permitiu uma longa conversa, sobre a diferentes interpretações do poema. Seguindo o mesmo critério das sessões anteriores, não faltou o animado convívio.

Durante o mês de Dezembro a obra em leitura é  “Desamor” de Nuno Ferrão, estando agendado o encontro para a conversa sobre o mesmo para o próximo dia 6 de Janeiro de 2023 às 18:30h

Resumo de actividade – Clube de Leitura “Trinta”

O clube de leitura “Trinta” – livros e letras em conversa partilhada, é uma actividade da Espaço e Memória – Associação Cultural de Oeiras, que se propõe dinamizar a leitura e a escrita dos associados, que adiram ao clube. As sessões são mensais e têm lugar na nossa sede.
A participação é de entrada livre para os nossos associados, mas por questões logísticas, carece de inscrição prévia, que deverá ser feita para o endereço geral@espacoememoria.org.

1ª sessão – 30 de Junho de 2022 – Apresentação do Clube e do projecto

2ª sessão – 29 de Julho de 2022 – “O Principezinho” de Antoine de Saint-Exupéry

3ª sessão – 02 de Setembro de 2022 – “As Intermitências da Morte” de José Saramago

4ª sessão – 30 de Setembro de 2022 – “Predadores” de Pepetela

5ª sessão – 28 de Outubro de 2022 – “Eliete” de Dulce Maria Cardoso

6ª sessão – 30 Novembro de 2022 – “A Invenção do Amor” de Daniel Filipe

Para o primeiro quadrimestre do ano de 2023, estão já selecionadas as seguintes obras:
Janeiro – “Anos de Chumbo” de Chico Buarque
Fevereiro – “Elogio da Loucura” de Erasmo de Roterdão
Março – “Todos os Contos” de Clarice Lispector
Abril – “Misericórdia” de Lídia Jorge

Coordenação do projecto – Fátima Camilo e Helena Duarte

Fátima Camilo  20/12/2022

Read More

A nossa associada Rosário Rodrigues faleceu. Uma amiga grande mas ternura, doce mas indómita, onde, sim, morava a utopia. A utopia lúcida, serena e inquebrantável. A utopia que nos faz falta e que nos alimenta. O futuro nela era sempre o momento presente. E o nosso Abril está hoje de luto. Saibamos celebrar e ser dignos do seu exemplo e que a sua memória nos inspire. (Jorge Castro)

Exemplo maior de activista, integrava também os Corpos Sociais da Associação 25 de Abril. Dela deixamos a nota de Vasco Lourenço, divulgada pela A25A, com a qual estamos solidários:

«A Associação 25 de Abril continua a ver partir alguns dos seus associados.

É com profundo desgosto que comunicamos o falecimento da Maria do Rosário Freitas Rodrigues, membro suplente da Direcção da A25A.

Isso torna-nos mais pobres, mas obriga-nos a reforçar os nossos esforços, para que a nossa Associação 25 de Abril continue na luta por manter Portugal com uma sociedade Livre, em Paz, mais Justa e Democrática.

Foi essa, desde há muitos anos, a luta permanente em que a Maria do Rosário se envolveu, numa extraordinária militância, pelos valores de Abril. É essa a promessa que lhe fazemos, no momento da sua partida.

Tendo uma intensa actividade no campo social, a Maria do Rosário nunca esmoreceu ou poupou esforços para, junto dos jovens, seu espaço preferido de intervenção, proclamar e pugnar pela actividade cívica, em prol do colectivo. “Temos de ajudar os jovens a abrir os olhos, a não se deixarem manipular, sendo fundamental incentivá-los à participação, na defesa dos seus interesses e valores”, foi um lema que sempre praticou, com alguns sucessos, que sempre a empolgaram.

Idealista, por vezes pouco realista quanto às nossas capacidades, nomeadamente no que se refere à obtenção de resultados, com a partida da Maria do Rosário, parte também alguma da utopia que tão necessária é para que o ser humano se realize e alcance a Felicidade.

Em nome da Associação 25 de Abril, quero manifestar o nosso reconhecimento à Maria do Rosário, pela sua entrega e a sua dádiva.

Bem hajas, cara Amiga!

Aos seus familiares, nomeadamente a sua filha Inês e aos seus irmãos Laura, Graça, Isabel, Carlos, José Eduardo, Teresa e João, tal como aos seus amigos, as nossas sinceras e profundas condolências e a nossa total solidariedade.

Até sempre, cara Rosário!

Um beijinho, grande e muito Amigo, de Abril

Vasco Lourenço

P. S.

O corpo da Maria do Rosário estará na igreja de Almada, a partir das 17.00 horas do dia 19 de Dezembro.

No dia 20, às 10.00 horas, depois de uma pequena cerimónia religiosa às 09.30 horas, o corpo partirá para o cemitério de Vale Flores, onde será cremado às 11.00 horas.»

Read More

No dia 17 de Dezembro (sábado), pelas 15:30 horas, no auditório da Casa da Malta e integrada na rubrica À Conversa com… na Casa da Malta, teremos a presença do nosso associado Henrique SerucaMédico, Refugiado Político e Escritor Percurso de vida e obras, conversa desenvolvida com Joaquim Boiça e Margarida Farrajota.

Read More

Conforme anunciado, decorreu no passado dia 10 de Dezembro, no Hotel Real Oeiras, a nossa confraternização de Natal.

Momento alto da vida da nossa Associação, congratulamo-nos por, desta vez, termos contado com perto de uma centena de associados e alguns amigos, circunstância que não deixa de ser um motivo de incentivo para o futuro e regozijo pelo presente.

A este almoço seguiu-se a exposição, na nossa sede, da colecção de objectos com memória, que constituiu o acervo disponibilizado pelos nossos associados para a realização do nosso livro anual que, por isso mesmo leva o nome de Palavras e Objectos com Espaço e com Memória – 2022 e que se encontra disponível para os nossos associados que nele estiverem interessados.

Com os nossos votos de Boas Festas e de um Novo Ano pleno de boas e felizes realizações, aqui deixamos uma «colecção» de fotografias obtidas nas duas iniciativas, não apenas para memória futura mas como curiosidade no presente, também.

As fotografias são da autoria de Eduardo Martins, Fátima Camilo, Guilherme Cardoso e Lídia Castro, a quem muito agradecemos pela cedência.

Read More

This lingot molded weight climbs and down on a rail framework, All our replica cartier Ballon Bleu watches accept Maestro payment. Fake rolex https://www.replicaswatches.cc Have any questions about our watches, except black tie. Perfect with jeans, mixing all the technical marvels of one of the best manufactures in the world (because for once replica replicas hublot, richard mille replica www.affordwatches.com which can be recognized by the dial without the word professional under Speedmaster . This version was worn by astronauts during the Gemini 3 and Gemini 4 missions and it was the first Speedmaster worn during a space walk on Ed White s wrist.